Esqueceu sua senha? Clique aqui.
Casal assaltado dentro da agência da Caixa deverá ser indenizado, diz TRF4

[NOTÍCIA] - sexta-feira, 28 de setembro de 2018

O casal, com receio de levar um tiro, entregou um celular, bolsa com todos os documentos e cartões e a chave do carro, que estava estacionado na frente da agência.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) confirmou a decisão que condenou a Caixa Econômica Federal a pagar o valor de 71 mil 820 reais e 64 centavos por danos morais e materiais a um casal que foi assaltado dentro de uma agência em Curitiba, enquanto usava o caixa eletrônico. Em abril de 2016, eles foram realizar uma transferência bancária na agência quando foram surpreendidos por dois indivíduos armados anunciando o assalto. O casal, com receio de levar um tiro, entregou um celular, bolsa com todos os documentos e cartões e a chave do carro, que estava estacionado na frente da agência.

Eles ajuizaram ação na 4ª Vara Federal de Curitiba, solicitando indenização por danos morais e materiais. Os autores alegam de que a instituição bancária tem o dever de garantir a segurança dos consumidores que se utilizam dos serviços oferecidos em caixas eletrônicos, mesmo após o encerramento do expediente bancário. O pedido foi julgado procedente, condenando a Caixa a pagar o valor de 60 mil e 820 reais e 64 centavos devido ao carro, o valor de 1 mil reais pelo celular roubado e 5 mil reais a cada um pelos danos morais sofridos.

A Caixa recorreu ao tribunal pedindo a reforma da sentença, argumentando que há excludente de responsabilidade, pois o roubo ocorreu depois do expediente da agência. A relatora do caso no TRF4, desembargadora federal Marga Inge Barth Tessler, manteve o entendimento de primeira instância. “A instituição financeira tem o dever legal de garantir a segurança dos consumidores que se utilizam dos serviços oferecidos em caixas eletrônicos, inclusive após o encerramento do expediente bancário”, afirmou a magistrada.

Fonte: Jornal da OAB/RS
Tipo: Busca:

Tags:

[NOTÍCIA]  - 22/01/2019 12:00   Receita se posiciona sobre exclusão do ICMS da base do Pis/COFINS   Conferir
[NOTÍCIA]  - 22/01/2019 11:56   Locatária não tem legitimidade para questionar normas de condomínio   Conferir
[NOTÍCIA]  - 22/01/2019 11:12   Seguradora não pode recusar contratação por pessoa com restrição de crédito disposta a pagar à vista   Conferir
[NOTÍCIA]  - 22/01/2019 11:05   Partido questiona no STF proibição de exploração de jogos de azar pela iniciativa privada   Conferir
[NOTÍCIA]  - 22/01/2019 11:00   Decano decidirá sobre pedido de liminar contra decreto da posse de armas   Conferir
 
12345678910...
Alexandre Röehrs Portinho
OAB/RS • 60.323 alexandre@homrichportinho.com.br
Confira o Currículo Lattes:
Cristiane da Silva Homrich
OAB/RS • 56.346 cristiane@homrichportinho.com.br
Confira o Currículo Lattes:
Armenio de Oliveira dos Santos
OAB/RS • 48.458 armenio@homrichportinho.com.br
Confira o Currículo Lattes:
FONE e FAX (51) 3372.1797 • atendimento@homrichportinho.com.br
© Copyright - Todos os direitos reservados.